• Isabella Schmitt

Recorrência de pagamento: o guia completo para usar a recorrência da Safe2Pay

Atualizado: 30 de mar.

A recorrência de pagamentos é a melhor solução para você, que tem um serviço por assinatura, cobrar dos clientes de forma rápida, organizada e simples. Só em 2021, o segmento cresceu 18% entre janeiro e setembro, segundo dados da pesquisa realizada pela Betalabs. A questão é que o modelo de assinatura está se popularizando no Brasil, e cada vez mais as intermediadoras de pagamentos estão oferecendo entre as suas soluções um sistema de recorrência de pagamentos ágil e seguro. E é por isso que hoje a gente vem te contar como funciona o novo sistema de recorrência da Safe2Pay!

Entendendo de onde veio a nova recorrência Safe2Pay


Você pode se perguntar: “porque modificar algo que já existia e comentar tão detalhadamente sobre isso?” A resposta é simples: melhorar e aperfeiçoar o sistema para que você use o melhor sempre. A nova recorrência veio para modernizar o sistema de criação dos planos de assinatura do seu negócio. Com um visual simples e ágil e com melhorias em todo o processo de criação de um plano recorrente. Afinal, como mencionamos, os planos de assinatura estão em alta e possibilitam uma série de vantagens para os negócios que incluem esse modelo nos seus negócios. Resumindo, melhoramos e aperfeiçoamos o sistema para você ter toda facilidade na hora de criar seus planos de recorrência de pagamentos. Dois planos, duas opções de recorrência de pagamentos Hoje o nosso novo sistema de recorrência de pagamentos, possibilita a criação de dois tipos de planos. Sendo eles: plano personalizado e plano fixo. Basicamente, no plano de recorrência personalizado você tem total liberdade para escolher a data de cobrança do seu serviço de assinatura. Enquanto no plano de recorrência fixo, a data de cobrança está ligada à data em que o seu cliente assinar o seu plano. Para deixar mais simples, abaixo a gente te conta mais como vai funcionar cada um.

Plano Personalizado


O que você vai encontrar no Plano Personalizado de recorrência:

  • Escolher o dia que será feita a cobrança;

  • Escolher entre a frequência semanal ou mensal;

  • Se quiser, poderá cobrar imediatamente, assim que o plano for assinado;

  • Ter o valor da cobrança proporcional ao uso.

Vamos entender melhor esse modelo de recorrência… Como o nome já diz, ele é um modelo de plano todo personalizado. Isso significa que você vai escolher desde o nome, tipo de cobrança, frequência a até a data de cobrança para cada plano criado. Exemplo: você cria um plano e quer que a data de cobrança seja o dia 20, então todos os seus clientes que assinarem esse plano vão ter que pagar por esse plano no dia 20. O que muda é a frequência de cobrança escolhida para cada um. Além de escolher o dia da cobrança, o plano personalizado possui dois tipos de frequências disponíveis: a semanal ou mensal, que você pode optar conforme for melhor para o seu plano. Outro detalhe importante é que, além de escolher o dia que será feita a cobrança, na hora que você está criando o plano de recorrência é possível selecionar a opção de cobrar imediatamente. Isso significa que o cliente que assinar, vai receber uma cobrança proporcional ao tempo que assinou. Explicando melhor: supondo que o seu plano é mensal, com data de cobrança no dia 20, mas você quer que seja feita a cobrança imediata. Se o seu cliente assinar o plano no dia 25, será feita o cálculo de Pro Rata, para ser cobrado um valor proporcional. As vantagens do Plano Personalizado:

  1. Autonomia para definir as datas cobranças;

  2. Possibilidade de cobrar no momento em que seu cliente fizer a assinatura;

  3. Você pode definir um número máximo de assinaturas por plano.


Plano Fixo


O que você vai encontrar no Plano Fixo de recorrência:

  • A cobrança é feita conforme o dia em que for feita a assinatura;

  • As próximas cobranças têm como base o dia da assinatura e a frequência definida;

  • Escolha entre a frequência semanal, mensal, bimestral, trimestral, semestral ou anual.

Vamos entender melhor esse modelo de recorrência… Como o próprio nome diz, o Plano Fixo, já vem programado para levar em conta sempre o dia em que a assinatura for feita, para assim fazer as próximas cobranças. Exemplo: Se o cliente do seu negócio assinou seu plano no dia 10, automaticamente no dia 10 será feita a cobrança, o que irá ser ajustado é a frequência de cobrança. Você ainda pode preencher todas as outras informações importantes sobre o plano, desde o nome, a descrição, número de ciclos e tipo de cobrança. A única coisa que vem ''fixa” nele é a data da cobrança que depende da data de assinatura. Outra vantagem, comparado com o Plano Personalizado, é a maior variedade de frequências de cobranças que o seu plano pode ter. São seis opções de frequência que vão do semanal ao anual, deixando o seu plano ainda mais personalizado para as suas necessidades. E assim como no plano personalizado, a taxa de assinatura é feita na primeira cobrança! Esse modelo tem como vantagem:

  1. Facilidade e agilidade na hora de criá-lo;

  2. Variedade em frequências de cobrança.

  3. Você pode definir um número máximo de assinaturas por plano.

Diferente do plano personalizado, onde você acaba tendo que inserir basicamente todas as informações, neste plano de recorrência você acaba ganhando praticidade, já que todas as definições relacionadas à data de cobrança, ficam sob base a partir da data de assinatura. Conhecendo a estrutura do sistema de recorrência Safe2Pay Uma das novidades do novo sistema é justamente um visual simples de mexer e visualizar as informações na hora de criar seu plano de assinatura. O passo a passo para a criação do plano de recorrência possui 5 etapas, simples e rápidas de preencher, como pode ver abaixo:

  1. Modelo - escolha qual será o modelo do seu plano;

  2. Dados básicos - informações básicas sobre o plano;

  3. Frequência - defina a frequência da cobrança;

  4. Pagamento - o valor que será cobrado conforme a frequência definida;

  5. Revisão - revise os detalhes do seu plano antes de criá-lo.

O que mais você precisa saber sobre a nova recorrência


Aquela velha máxima que você se habitua e entende mais um sistema a partir do momento em que você usa ele, é totalmente verdade. Vendo tudo isso de informação, pode parecer difícil, mas a gente promete que deixou tudo o mais simples e intuitivo possível para que na hora de usar você tenha total autonomia e agilidade. Além dos dois modelos de planos que você pode optar na hora de criar a sua recorrência, ainda temos mais algumas coisas para te contar e deixar você por dentro!

  • - Ao longo de toda a recorrência você vai encontrar esses icons laranjas de informações. Eles complementam uma informação ou te dão uma orientação de como preencher aquele campo.

  • Número de ciclos: ciclos no nosso sistema significa cobranças. Então você pode definir um número máximo de cobranças que serão feitas ou deixar desmarcada a opção, como se fosse infinito.

  • Limite de assinatura: você pode definir um limite máximo de assinaturas por um plano. Isso é algo opcional, se não preencher nada, não existirá limite de assinatura, simples! Exemplo: se você adicionar o número 100, no campo número máximo de assinatura, significa que esse plano só irá ter no máximo 100 assinaturas.

  • Defina com quantos dias de antecedência será enviado o boleto de cobrança. Exemplo: se a data de vencimento for dia 20 e você informar o número 5 no sistema, o boleto será enviado no dia 15.

  • A revisão no final de cada plano: aqui é o momento onde você consegue visualizar, de fato, o plano que acabou de criar. Você consegue ver uma simulação com valores e a data de cobrança. Obs: Essa visualização é só para as cobranças feitas por boleto, já que quando feitas pelo cartão de crédito a data de vencimento e cobrança são as mesmas.

  • Após o plano criado, ele não pode ser alterado. Então preencha com atenção tudo!

  • Pro rata: é um cálculo relacionado ao consumo. Por isso, ele normalmente é usado em serviços de assinatura. Dessa forma ele calcula o valor de forma proporcional ao tempo de uso de um serviço. Exemplo: em um plano mensal esse cálculo procura dividir o valor total do plano pelo número de dias do mês corrente para chegar no valor correspondente ao dia. Após isso, o sistema calcula o número de dias utilizado, considerando a data de assinatura do cliente até da primeira cobrança e depois multiplica o número de dias utilizado pelo valor correspondente ao dia, para chegar no valor proporcional ao uso.

Encontre aqui tudo o que seu negócio precisa para vender online


Que você já sabe quase tudo sobre a nossa recorrência, por aqui você encontra outras soluções úteis para vender ainda mais no digital. Nossa principal missão é descomplicar o mundo da gestão financeira e deixar os pagamentos online mais acessíveis, simples e ágeis para que todos os negócios possam aproveitar e crescer no mundo digital. A nossa revolução em meios de pagamentos existe por conta de vocês. Aqui você tem as soluções mais completas e com valores e taxas competitivas do mercado. Podendo incluir aquelas que melhor se encaixem com o seu negócio e podendo contar sempre que precisar com nosso time de suporte e atendimento! Vem bater um papo com o nosso time de atendimento e não deixe de conferir tudo o que disponibilizamos para o seu negócio no nosso site, clicando aqui!

Posts recentes

Ver tudo